Diário de Viagem: Gramado 2015


Olá, lembram de mim? Sim, voltei de novo e sim vou prometer que é pra ficar novamente hahaha. Peço mil desculpas pela ausência, mas quem me acompanha no instagram sabe que na última semana embarquei para Gramado e não tive como atualizar o blog lá. Primeiro porque foram os 6 dias mais corridos da minha vida e segundo porque não tinha Wi-fi na casa onde ficamos, dá pra imaginar o desespero da blogueira aqui? Mas foi bom, assim me desapeguei do vício e consegui curtir bastante cada segundo da viagem. Ainda estou com aquela depressão pós-viagem, mas voltei cheia de fotos e histórias pra contar, por isso decidi fazer um resumão pra compartilhar um pouco dessa experiência maravilhosa com vocês. O post talvez fique um pouco longo, mas quem gosta de algo mais pessoal provavelmente vai curtir e ler até o final. Ainda farei vários outros posts sobre pontos turísticos, como economizar, hospedagem e o que mais vocês tiverem interesse em saber, viu? Só me pedir.

Ir pra Gramado não fazia parte dos meus planos pra 2015, na verdade, nunca esteve nos meus planos, mas foi no começo de março desse ano que as coisas aconteceram. Pra quem não sabe, faço Publicidade e Propaganda, e de dois em dois anos ocorre o Festival Mundial de Publicidade em Gramado, e como alguns amigos se animaram, acabei embarcando na ideia e atravessei o Brasil para chegar lá. Foram praticamente 3 meses de correria, vendendo coisas, juntando dinheiro, tudo para que eu e mais 10 pessoas pudéssemos conseguir alcançar nossos objetivos. Embarcamos na madrugada do dia 6, fizemos escala em Guarulhos (não tem vôo direto pra Porto Alegre) e finalmente chegamos a capital gaúcha, tchê. Logo de cara percebemos a diferença na temperatura, 16 graus é muito amor gente <3 Não tem coisa melhor que um dia ensolarado com um ventinho gelado que não nos deixa cansados e suados. 

Passeamos um pouco pelo centro de Porto Alegre enquanto esperávamos nossos outros amigos desembarcarem, e pegamos um transfer que nos levou do aeroporto até nosso destino final: Canela. Muitas pessoas ficaram em dúvida sobre o porque de ficarmos em Canela, falarei disso melhor em um outro post, mas resumindo: Canela é uma cidade que fica bem pertinho de Gramado, cerca de 15 minutos de distância, a cidade é tão bonita quanto, mas é um pouco mais em conta do que Gramado, o que nos ajudou muito a economizar. Fora que alugamos uma casa lá, então nossos gastos com alimentação e hospedagem foram reduzidos em quase 80%. 

Como a viagem foi longa e no outro dia já começaria o festival, decidimos ficar em casa mesmo e comemorar nossa chegada com um jantar especial. Compramos os ingredientes em um mercadinho em Canela, e ficamos por lá mesmo. Na esquina da casa que alugamos, ficava um dos pontos turisticos da cidade, a Catedral de Pedra (que na minha opinião é bem mais bonita da que tem em Gramado, rs). A noite várias luzes coloridas iluminam a Catedral, deixando um efeito lindo e que rende fotos maravilhosas, hein. Ao redor existem várias lojas dos mais variados produtos, chocolates, vinhos, roupas e etc, achei as coisas mais baratas do que em Gramado.

No dia seguinte era a abertura do festival, mas como só começaria a noite, decidimos turistar. Pagamos R$30,00 por um passeio que estava incluso: Visita a Cascata do Caracol, fábrica de chocolate, fábrica de vinhos, fábrica de cristal e Lago Negro. Se valeu a pena? Mais ou menos.. as fábricas na verdade são lojas, e é perceptível que eles ganham comissão a cada turista que levam lá, geralmente são lojas caras e achei desnecessário pois andando depois pelo centro pude fazer degustações e conhecer várias "fábricas" sem pagar nada. A Cascata do Caracol e o Lago Negro valem super a pena, mas são atrações pagas, em breve falarei melhor delas em posts separados. Depois seguimos para o Serra Park aonde aconteceu o Festival, não vou entrar muito em detalhes pois não sei se é do interesse de vocês, mas foi sensacional e com certeza voltaremos outras vezes.


Nos outros dias, o festival ocorria das 9h as 20h então quase não tivemos tempo de fazer mais nada. Comíamos em casa ou no Serra Park, e quando sobrava um tempinho andávamos pelas ruas de Canela. No último dia, aproveitamos para andar por Gramado, conhecer a cidade e principalmente a Rua Coberta, ponto super famoso de lá. Sim, Gramado é apaixonante e se tornou um dos nossos destinos favoritos. É como se estivéssemos em um filme de conto de fadas, todas as casas, lojas e monumentos são no mesmo estilo, realmente é um pedacinho da Europa no sul do Brasil. A cada passo era uma foto, não tinha como deixar de registrar tudo pra mostrar depois e relembrar cada momento. 
Sobre o frio, nos primeiros dias a média era de 10 a 5 graus, até que teve um dia em que amanheceu com 4 e terminou com 0 graus, imaginem o sufoco, hein? Mas foi delicioso. Quem tiver oportunidade, e até mesmo quem nunca pensou na possibilidade de ir pra lá, deve adiciona-la na listinha de lugares que precisa conhecer. Já voltei cheia de saudade e contando as horas pra voltar, espero que seja em breve. Durante esse mês rolarão posts especiais sobre a viagem, e se você tiver alguma dúvida ou sugestão, deixe nos comentários que prometo responder tudinho =)


Comentários via Facebook

7 comentários:

  1. Ai que sonho, arrasou. bju da Mika

    http://capricheinlife.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Luuuu, morro de vontade de conhecer Gramado, também não está na minha lista de viagens, mas meus pais foram para o Natal Luz e disseram que é lindo...

    Ano passado conheci Campos do Jordão que o povo diz que é um pouco parecido com Gramado, já fosse lá??

    Tu passou umtempinho sem vir aqui e eu estou há quase 1 mês sem ir lá no Blog, gentennnn será que alguém ainda lembra de mim? kkkkkkk

    Beijosssss

    http://www.amandarangel.com

    ResponderExcluir
  3. Adorei saber mais! Nesse frio deve ser uma delícia né? <3 http://simsemfrescura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, que saudade desse frio <3

      Excluir
  4. Aii como amo Gramado, sou louca pra conhecer e acompanhei as fotos pela fanpage linda.
    Ficou babando em cada cantinho lindo que você fotografava. rs
    Beijos!

    Blog Pam Lepletier

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai Pam, é a cidade dos sonhos, vale muito a pena conhecer e não vejo a hr de voltar.

      Excluir